sábado, 24 de março de 2012

Saudade

Saudade doi...doi...doi...

Torna dia escuridão...

Saudade já fez morada no meu coração...

Eu que não sabia o que era saudade...

Hoje já não vivo sem ela...

Desde que você foi pra longe, eu almoço e janto com ela...

É esta bendita saudade que me impede de te esquecer e que agora dorme comigo...
AMOR... AMOR...AMOR...AMOR...AMOR...AMOR....
PAZ...PAZ...PAZ...PAZ...PAZ..PAZ...

Viver o amor...

Viver o amor
É o bem máximo que qualquer mortal pode experienciar...
Entendo hoje, com meus quase 34 anos de idade, que a vida não é coisa fácil de lidar, de conduzir e de se viver..
A vida da gente é uma caixa de surpresas...
Mas felizmente tudo caminha para o bem...
Um dia a gente sofre.
No outro dia, a gente é feliz.
A gente canta.
A gente chora.
A gente cala.
A gente avalia...
A gente busca novos rumos sempre que necessário.
Tudo contribui para mudarmos, interiormente e exteriormente nos vários aspectos seja para o bem ou seja para o mau.