quarta-feira, 25 de julho de 2012

Peça falha do sistema

É difícil precisar o porquê e o tamanho da tristeza

Que às vezes inunda meu coração e meu ser.

Às vezes nada parece ter sentido.

Vida minha...

Projeto inacabado...

Em construção.

Pausas, paradas...

Causa de chuvas, trovoadas, convulsões provocadas

Por certos roteiristas que insistem em me dizer

Que sou peça falha do sistema...

Pois não me adequo e adoeço sensível ao que me Espõem cotidianamente...

Pois imagino a possibilidade e luto por uma vida plena e feliz, longe dos “faz de contas”, dos “fazem o que eu falo, dito, mando e ordeno, mas não façam o que eu faço”, onde “ações que não condizem com palavras e escritas.”

Me pego sonhando, pensando, imaginando...

Como construir um mundo melhor, ser idealista, sonhador?

Se no mundo muitos se regozijam com a dor, violência, fome, nudez e morte?

Nenhum comentário:

Postar um comentário