sexta-feira, 20 de setembro de 2013

Flecha certeira


O amor vem de flecha certeira...
Faz furo e cicatriza-se no peito.
E assim, incorpora-se ao ser em que habita.

E passa a ser parte de duas almas...
dois sentidos,
dois corações.

É um elo de luz enebriante,
que faz de dois eternos amantes...
Brilhantes de valor imensurável
feito as estrelas do céu.

O amor, feito doce, vem de flecha certeira...
Lua de mel,
cupido anjo vindo do céu.

Dar sentido a duas vidas que se encontravam ao léu.
Flechas certeiras, que cortam e rasgam a carne,
coração, espírito e almas.

Marcas pra uma vida inteira e quem sabe além.
Marcas que nos transmitem forças, 
que vencem o mal, e faz triunfar o bem.

By Adalmir Oliveira Campos

Nenhum comentário:

Postar um comentário