terça-feira, 31 de março de 2015

De nossos jardins, sejamos bons jardineiros!


O homem feliz é aquele que diariamente
cuida de seu jardim arrancando as ervas
daninhas, plantando flores e cuidando
destas com amor e carinho no trato do
que recebeu das mãos do PAI!.

Já o homem infeliz, é aquele que se perde
ao descuidar do seu jardim para cuidar do
jardim do outro, onde arranca o que julga
ser erva daninha, e tenta plantar o que julga
ser flor, mas no cuidado, segue os mesmos
passos que usa para cuidar do seu próprio
jardim.

Agindo assim, é nítido o resultado caso
o outro aceite tal intromissão, ambos os
homens se tornam infelizes e ambos
os jardins definham.

Caso o segundo homem se mantenha firme,
e sabiamente preserve seus direitos de
jardineiro no trato do seu jardim, perde
somente o primeiro.

Caso o tempo não ensine ao primeiro homem
a enxergar o alto capim que está sobre seus
ombros e encobre teu jardim, e prefira manter
fixo os olhos no jardim do vizinho, o qual julga
as flores e frutos ervas daninhas, será mesmo
o seu fim, até que brotem novas oportunidades.

Às vezes aprendemos com as amizades, erros
e acertos de outros jardineiros... Daí, vale a pena
compartilhar experiências, conhecimentos e
aprendizagens.

By Adalmir Oliveira Campos
adalmir-campos.blogspot.com.br
adalmiroliveiracampos.blogspot.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário