segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

Não olhe para trás!


Tem coisas na vida da gente que devem permanecer
no passado.
Foram doídas.
Marcaram negativamente.
Aprendi a perdoar.
Mas aprendi também, que perdoar nem sempre quer
dizer que é preciso ficar por perto de quem se perdoou.

Não desejo minhas dores passadas à ninguém.
Nem tão pouco atualizá-las em uma ligação, onde
se vê que nada mudou, a não ser o seu distanciamento.

Se fosse bom, seria eterno, mesmo nas lembranças.
Se possível, algumas coisas eu preferiria esquecer,
talvez jamais ter conhecido.

O mundo precisa de pessoas de bem, que promovem
o amor, o respeito e a dignidade humana.

Excessos de burocracia, palavras contraditórias,
falas que não condizem com as realidades, o mundo
já está cheio, aliás, a corrupção começa por aí...

É preciso o despertar para o novo.
Para o que acrescenta e promove o bem e o amor.
De contrários, o mundo já está cheio.

By Adalmir Oliveira Campos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário