quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

"Falar" e "agir"


"Falar" e "agir" devem caminhar de mãos dadas. 

Eu escrevo sobre o amor, e sei muito de amor. 

Eu escrevo sobre a dor e eu sei muito sobre a dor. 

Eu escrevo sobre a morte e sei muito da morte.

Eu escrevo um pouco de tudo, pois sei um pouco
de tudo e de tudo faço parte.

Espinhos são espinhos e rosas são rosas.

O artista nada mais expressa do que assimilou
do mundo exterior, uma forma melhorada
com o que foi agregado a partir do seu mundo interior.

By Adalmir Oliveira Campos

Nenhum comentário:

Postar um comentário