sexta-feira, 14 de março de 2014

Circo mundo


Alegorias.
Vivem de alegorias.
Mascarados o ano inteiro.

E assim ganham o mundo ludibriando
inocentes.
Põem nariz de palhaço no povo e
riem descaradamente.
Não é só direita.
É de esquerda também.
Pois quem era de direita, virou
esquerda.
E quem era de esquerda virou
direita.

Mas nada endireitou.
São poucos os que se salvam.
E se mordem uns aos outros na luta
pelo poder.

Apenas alegorias.
Vivem de máscaras.
Para eles, carnaval o ano inteiro,
com direito a pizza ao fim do dia.

E o povo, que agonia, se alimentam
das migalhas e da violência que se
instala dia a dia.

A educação empobrece.
A saúde fica na mesma.
A falta de água no nordeste também.
Rodovias esburacadas, quando não
terceirizadas os serviços.
Dupla paga.
E dos impostos, quem recebe o retorno
só os governantes que enchem os bolsos.
Se incriminam, se defendem, se absolvem.

E as massas populares seguem no
trabalho que "dignifica" o homem.

Assim caminha a humanidade em
pleno século vinte e um.
Jovens não querem nada com nada,
a não ser bebida, drogas e música
imoral e barata.

Tratam a todos como se estivessem
sempre num bate papo com amigos,
os mais chegados...
É difícil a situação.
Fora de moda agora é oque usa de boa
índole, caráter e educação.

Assim caminha a humanidade.
Mas a fé é de que as coisas
possam melhorar, mas se cada
um deixar seguir do jeito que tá...
Sabe-se lá onde este mundo vai parar.

A solução somente o povo e Deus
podem dar.

By Adalmir Oliveira Campos
adalmir-campos.blogspot.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário