sábado, 24 de maio de 2014

Aconteceu a luz no fim do túnel



Aconteceu a luz no fim do túnel.
Caminhar esperançoso. 
Mas há curvas e desvios, por pouco
não se perde o fio.

Aconteceu a luz no fim do túnel.
É como o por do sol avermelhado, no alumiar,
últimos raios, e a vejo na linha do horizonte.

Aconteceu a luz no fim do túnel.
E o meu coração já se alegra, 
sente o conforto que vem com a brisa em 
dias de muito calor.
E lá está ela.

Aconteceu a luz no fim do túnel.
E com ela o louvor pelas novas esperanças
que brotam e fazem-me chorar como criança
que tem medo do escuro.

Aconteceu a luz no fim do túnel.
Já iniciei a caminhada.
Mais ela é pequena e distante, embora 
seja luz e impõe respeito com sua presença
e dispersa as trevas ao redor.

Aconteceu a luz no fim do túnel.
E a vida ganhou novo sabor, novos cheiros,
texturas, cores e sons..

E mesmo nesta opacocidade trás latente
bater de coração.
Sangue quente, vermelho, visgo feito
tinta de pintar quadros, e a vida segue 
rumo à Luz.

Aconteceu a luz no fim do túnel.

By: Adalmir Oliveira Campos
adalmir-campos.blogspot.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário